CLÍNICA AMPLIADA

Publicado em 26/02/2018 às 09h38

Milo Tchais grupo de atenção ao sujeitoHá tempos estudamos o trabalho do analista para além de sua prática stricto senso, a clínica.Em nossa prática, transitamos entre consultório privado e espaços públicos. Este trânsito... esta aplicabilidade e algo “a-mais”, motivou-nos a vivenciar uma experiência trazendo algo do contemporâneo e das manifestações populares para dentro da clínica. Referimo-nos aos muros marcados e grafitados, que se valem de telas e acolhem a diversidade. Dos muros de Berlin ao nosso Beco do Batman em São Paulo, reconhecer o valor histórico-cultural deste traço e utilizá-lo como uma metáfora de uma clínica ampliada, aplicada e em extensão, serve-nos para lembrar que nosso trabalho se conecta com o pragmatismo da vida vivida, seus imperativos... bloquinhos de carnaval... e tantos outros elementos que fazem parte de nossa realidade e de nosso entorno. Vivenciamos essa experiência com um grafiteiro do bairro, talentoso e sensível, que soube acolher nosso pedido e que nos deixou algo de si. Gratidão, Milo Tchais.

Comentários

Milo Tchais Paz em 28/02/2018 16:25:58
Muito grato em ser comissionado para esta obra em uma clínica de psicologia e psicanálise e poder contrubuir com outras áreas humanizadoras. Colocando a arte num papel ainda mais direto de transformação emocional e ferramenta de tratamento e cura. Obrigado pelo convite Grp Atenção Ao Sujeito, Fábio e todos que tornaram mais esse possível.
Fabio Saad em 27/02/2018 13:31:48
Acredito na importância de transitarmos em diferentes campos. Dialogar e se deixar tocar com a pluralidade de manifestações culturais. Feliz em fazer isso com um artista do bairro.
Eliane Morgado em 26/02/2018 15:03:15
Impactada com a obra de arte que tão bem retrata em esfera psicoterápica a essência humana e elementos...variáveis da vida cotidiana em sua diversidade, com tanta profundidade e sensibilidade!!
Parabéns pelo trabalho diferenciado, parabéns à equipe GAS!!
Abraços!!
JC em 26/02/2018 12:24:58
Que bonito!! Parabéns pela iniciativa, estou ansioso para ver pessoalmente no dia do meu atendimento. Bjs
Ana Carol em 26/02/2018 10:26:23
A sensibilidade do traço do Milo me fez acreditar ainda mais que o sujeito do desejo pode e deve ser empoderado extra muros: nas ruas, nas cidades, por meio das manifestações artísticas. A saúde está por aí, caminhando nos diversos espaços que nós pudermos abrir para ela.

Enviar comentário

voltar para CIRCULANDO

|||||image-wrap|b01 c05 bsd|b01 c05 bsd|c05 bsd b01e sbse|b01 c05 bsd||signup|content-inner||